Newsletter

Receba todas as nossas novidades. >>
BIODIVERSIDADE  >  Fauna  >  Répteis  >  Sardão (Lacerta lepida)

Sardão (Lacerta lepida)



  

Habitat/Local de Observação
Matagais, terrenos cultivados e bosques. Prefere zonas com abundância de refúgio e evita lugares húmidos e sombrios. Pode ser observado em tocas ou cavidades naturais, durante as horas de maior calor.

Atividade/Horário de observação
Diurna, podendo estar inativa nas horas mais quentes do verão

Presença
Primavera e verão e no outono e inverno está num período de inatividade

Estatuto de Conservação
Pouco preocupante

Observações e Curiosidades
Alimentação: essencialmente insetívora, complementada com vegetais e frutos.
É o maior lacertídeo da fauna portuguesa, que pode alcançar uma longitude cabeça-corpo de 26 cm. A cauda pode ter o dobro da longitude corporal.
Pode trepar às árvores. Em mão pode morder.
Posturas com 5-22 ovos, enterrados entre pedras, troncos ou folhada. Os machos são bastante territoriais.
Denominação atual: Timon lepidus (Daulin, 1802).