Newsletter

Receba todas as nossas novidades. >>
BIODIVERSIDADE  >  Fungos  >  Cogumelos  >  Amanita muscaria

Amanita muscaria (L.) Hooker


(GMarques)


(GMarques)


(GMarques)

  

Família
Amanitaceae

Descrição do chapéu
8-25 cm de diâmetro; inicialmente esférico, depois convexo e por fim aplanando; cutícula separável, lisa, viscosa, brilhante, de cor vermelha e coberta de numerosas escamas esbranquiçadas resultantes do véu original.

Descrição do pé
5-20 x 1–2 cm; textura fibrosa e quebradiça; branco; a base é um bolbo que apresenta vários anéis formados por vestígios do véu original. Possui anel membranoso, amplo, persistente, descaído, estriado, de cor branca com bordo amarelado.

Descrição da carne
Branca e alaranjada por baixo da cutícula. Sem cheiro e sem sabor.

Tipo e descrição de himenóforo
Lâminas; livres, apertadas, desiguais e brancas.

Habitat
Bosques de coníferas e folhosas

Tipo de nutrição
Micorrízico

Interesse gastronómico
Tóxico e psicoativo

Época de Ocorrência
Final de verão e outono

Observações e Curiosidades
É uma das espécies mais facilmente reconhecidas e ilustradas na literatura. Possui propriedades psicoativas e alucinogénias devido, sobretudo, à presença de ácido iboténico e muscimol, para além de inúmeros outros compostos bioativos.