Newsletter

Receba todas as nossas novidades. >>
BIODIVERSIDADE  >  Fauna  >  Comunidades Aquáticas  >  Anfíbios



Anfíbios

No Parque Natureza e Biodiversidade existem 9 espécies de anfíbios com probabilidade de ocorrência, se bem que umas são mais fácies de observar que outras.

A classe dos anfíbios abrange duas ordens: os Urodelos e os Anuros. Os Urodelos ou Caudata possuem cauda e corpos alongados sem membros especializados ao salto entanto que os Anuros, na forma definitiva, não possuem cauda e tem os membros adaptados ao salto. Os primeiros abrangem os denominados tritões e salamandras, menos conhecidos do público em geral, e os segundos às rãs e os sapos.

A pele dos anfíbios é nua e permeável, de aspeto verrugoso na generalidade dos sapos e liso nos restantes grupos. Através da pele são realizadas importantes funções tais como respiração, regulação hídrica e proteção mecânica e química, auxiliada por diferentes tipos de glândulas. Além disso apresenta células pigmentares que proporcionam diferente coloração ajudando na camuflagem ou como méio de defesa contra os predadores, constituindo um excelente mecanismo de comunicação visual.

Os anfíbios são animais ectotérmicos: a sua temperatura corporal depende da temperatura ambiental. Nesse sentido podem adaptar estratégias para evitar as baixas ou altas temperaturas, passando por períodos de inatividade que denominamos respetivamente de hibernação ou estivação, protegidos em locais com humidade. Por outro lado mostram atividade noturna ou crepuscular, mas isto dependerá em grande parte das temperaturas ambientais e da dependência pela água: as espécies mais dependentes podem mostrar-se ativas durante todo o dia.



FICHAS DE ESPÉCIES:


Rã-ibérica (Rana iberica)

Rã-verde (Pelophylax perez)

Salamandra-de-pintas-amarelas (Salamandra salamandra)

Salamandra-lusitânica (Chioglossa lusitanica)

Sapo-comum (Bufo bufo)

Sapo-corredor (Epidalea calamita)

Sapo-parteiro-comum (Alytes obstetricans)

Tritão-de-ventre-laranja (Lissotriton boscai)

Tritão-marmorado (Triturus marmoratus)